Sinduscon
Login
Senha
COMAT
Corona vírus -
Norma de Desempenho de Edificações Habitacionais
Mercado imobiliário registra alta na demanda por imóveis em Salvador
Publicada no dia 21/09/2020 às 10h50
Entidades ligadas ao mercado imobiliário apontam para um aumento na demanda pela compra de imóveis. De acordo com o levantamento Datastore Series de agosto, a intenção de compra de um imóvel entre os brasileiros para os próximos 12 meses alcançou o índice de 51% - a melhor marca desde o início da contagem, em 2007. 

Já o estudo Indicadores Imobiliários Nacionais, desenvolvido pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e a empresa de consultoria Brain, aponta que 40% dos consumidores pretendem investir em um imóvel nos próximos dois anos.

De acordo com reportagem do jornal A Tarde, o presidente da Associação dos Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário na Bahia (Ademi), Cláudio Cunha, disse que aumento na procura por um apartamento novo teve início mais ou menos no final do mês de junho, e, em julho, o número de unidades comercializadas já foi 7% maior que no mesmo período do ano anterior.

Segundo Cunha, tamanha disposição se dá pelas taxas de juros mais atraentes, preços dos produtos pouco reajustados em quase cinco anos, crédito ampliado, inflação sob controle, Selic em queda (rentabilidade de aplicações financeiras idem) e a pandemia.

"Entre 2014 e 2019, período em que também atravessamos uma crise, poucas unidades foram lançadas, então havia uma demanda muito reprimida. Nesse cenário, os imóveis tiveram uma correção de valor muito inferior do que teriam em um outro contexto. Por último, a queda da Selic derrubou a rentabilidade dos produtos de renda fixa, obrigando o investidor a diversificar as aplicações, seja na renda variável (Bolsa de Valores) ou em imóvel", afirmou.

Para o diretor da Santa Emília Empreendimentos, Leonardo Segura, o momento é favorável tanto para quem quer adquirir um imóvel como forma de investir, como para morar. "A pandemia e a Selic em queda causaram um aumento na venda de imóveis. Para quem quer morar, os juros baixos proporcionam contratos de financiamento muito mais baratos. Para quem quer investir, não existe opção mais segura e rentável do que um bom imóvel", conta Segura.
Fonte: Muita Informação
Comentários
Seja o primeiro a comentar essa notícia.
Escreva seu comentário
Nome:
Email:
Comentário:
Código de verificação
Outras notícias
https://www.sinduscon-ba.com.br
@Sindusconba Adicionei um vídeo do @YouTube como favorito http://t.co/5pZ0r75j CONSTRUÇÃO CIVIL: quantidade de empregos do
Enviado em: 28/02/2012 | 20:16:41
@Sindusconba SINDUSCON–BA promove Curso de Planejamento de Obras em março - http://t.co/Z8up7NCQ.
Enviado em: 28/02/2012 | 19:11:39
https://www.sinduscon-ba.com.br
https://www.sinduscon-ba.com.br
Campanha Associativismo
Governo contratará 40 mil moradias da faixa 1,5 do Minha Casa Minha Vida
Nova Sede do SINDUSCON-BA
SINDUSCON-BA: saiba mais sobre construção civil
SINDUSCON-BA - Sindicato da Indústria da Construção do Estado da Bahia
ENDEREÇO - Rua Minas Gerais, 436, Pituba • CEP: 41830-020 - Salvador-BA.
TELEFONE:(71) 3616-6000 • Fax: (71) 3616-6001 • E-mail: secretaria@sinduscon-ba.com.br
2010 - 2020. Sinduscon. Todos os direitos reservados.
Produzido por: Click Interativo - Agência Digital